domingo, 19 de maio de 2024

Nicolau II - O santo mais rico da História...

Nicolau II - O santo mais rico da História...

Nicolau II, o último imperador da Rússia.

Ontem, dia 18 de maio de 1868 foi dia de Nicolau II, o último imperador da Rússia, ou melhor... São Nicolau II, um santo de certa forma famoso, porém bem controverso diferente da maioria dos santos que a gente conhece, pois Nicolau II não era padre, frei ou outro tipo de religioso, ele era imperador, chefe de estado, o o último imperador da Rússia, porém ele acabou sendo assassinado pelos comunistas junto com sua família em 1918, e muitos anos depois, em 1981 ele e sua família foram canonizados como "Portadores da Paixão" pela Igreja Ortodoxa Russa, que nessa época estava exilada devido a perseguição as instituições religiosas impostas pela União Soviética, pois nessa época {1981}, a Rússia se chamava União Soviética, e o Estado soviético era declaradamente Ateu e não aceitava religiões, e por isso a Igreja Ortodoxa Russa teve que se exilar por muitos anos.

Quem foi Nicolau II?

Nicolau II nasceu em 18 de maio de 1868, ele era filho do então príncipe Alexandre e neto do então imperador Alexandre II, muito conhecido também por ter acabado com a servidão na Rússia, onde cerca de 22 milhões de servos foram libertos em 1861. Em 1881 Alexandre II faleceu vítima de um atentado terrorista promovido por militantes russos, e seu filho Alexandre {Pai de Nicolau} assumiu o trono da Rússia e passou a se chamar Alexandre III, porém reinou por pouco mais de 10 anos, vindo a falecer em 1894 por problemas de saúde.

Nicolau II, agora com 26 anos de idade se torna o novo imperador da Rússia {E também o último}, e no mesmo ano ele se casa com uma princesa alemã chamada Alice de Hesse, mais que ao se casar com ele adota a religião russa {Antes ela era Luterana}, que é a Igreja Ortodoxa, a religião de seu marido, e também adota o nome russo Alexandra Feodorovna, nome que ela ficou conhecida na Rússia, no mundo e na História. Logo após o casamento eles tem seu primeiro filho, uma menina, chamada Olga, nascida em 1895, e nos próximos 10 anos eles tiveram ao todo 5 filhos, sendo quatro meninas e um menino.

Sua vida política

Nessa época, a Rússia era uma monarquia absolutista, o país tinha uma taxa de analfabetismo alta e a maioria da população vivia nos campos. E foi nessa época, fim da década de 1890 que começaram a surgir movimentos de cunho socialista na Rússia, onde os socialistas se aproveitavam das necessidades do povo para tentar conquistar o poder

Em 1905 houve um episódio conhecido como "Domingo Sangrento", onde uma manifestação de pessoas ocorreram em frente ao Palácio de Inverno, um dos palácios do imperador, porém o imperador não estava no momento, e seus soldados atiraram na multidão. Isso foi muito usado pelos socialistas, e embora o imperador não estava naquele momento que ocorreu o problema, sua imagem ficou bem manchada, e no ano seguinte foi criado um parlamento na Rússia, porém o imperador queria continuar mandando geral e o parlamento não tinha muita força.

Até que em 1914 começa a Primeira Guerra Mundial, e Nicolau II coloca a Rússia na guerra, o que foi um enorme erro, pois o país já tinha problemas internos a resolver, e boa parte do dinheiro era canalizado para a guerra, o que aumentava cada vez mais a insatisfação popular, tanto que no fim de 1916 agitações já acontecia pelo país, mais o que realmente pegou mesmo foram pesadas manifestações do povo que ocorreram no início de 1917, que teve também a adesão de muitos soldados.

Pressionado, Nicolau II abdicou em março de 1917, a república foi proclamada na Rússia e passou a ser liderada por Alexander Kerensky, e Nicolau II e sua família passaram a ficar em prisão domiciliar. A partir daí o novo governo russo tentou enviar a família imperial russa para outros países europeus, negociou com vários governos, mas nenhum quis receber a família imperial russa, nem mesmo o rei da Inglaterra George V, que era primo de Nicolau II. Então Nicolau II e sua família continuaram na Rússia em prisão domiciliar.

Mas em novembro de 1917 os socialistas tomam o poder, e aproveitando do fato de que o governo anterior não retirou a Rússia da guerra, o que fez com que a insatisfação popular continuasse, eles retiram a Rússia da guerra em março de 1918, e a partir daí também Nicolau II e sua família passaram a ter problemas com os novos governantes da Rússia, até que ele e sua família foram confinados em prisão domiciliar numa cidade bem afastada da capital da Rússia, numa casa conhecida como "Casa Ipatietv.

Em 17 de julho de 1918, a família imperial Russa foi executada pelos socialistas, que não queriam a presença deles ali, devido ao fato também de eles acharem a família uma ameaça ao novo regime, já que outras pessoas poderiam tentar restaurar a monarquia na Rússia. Logo em seguida os corpos foram enterrados, ficando décadas o paradeiro desconhecido, e alguns anos depois, em 1922, a União Soviética foi fundada e pouco menos de 10 anos depois, sob o comando de Stalin, a União Soviética iniciou uma forte perseguição as instituições religiosas no país.

Por fim em 1981, a Igreja Ortodoxa declarou Nicolau II e sua família como "Portadores da Paixão". Nicolau II quando era imperador, era um dos homens mais ricos do mundo, comandando através de uma monarquia absolutista um vasto império com cerca de 22,4 milhões de km2. Ele então é conhecido também como o santo mais rico da História. Por fim nos anos 90, logo após o fim da União Soviética, que se deu em 1991, os restos mortais da família foi encontrado, sendo os últimos encontrados em 2007. E no local onde eles foram executados, na antiga Casa Ipatiev, demolida em 1977, foi construída uma igreja, conhecida como Igreja do Sangue Derramado.

quinta-feira, 16 de maio de 2024

Um pouco da História de Israel para entender melhor esse conflito...

Um pouco da História de Israel para entender melhor esse conflito...

Estado de Israel fica localizado no Oriente Médio e tem 20 mil km2 {Quase do tamanho do Estado de Sergipe}.

Recentemente o Estado de Israel, localizado no Oriente Médio, e que desde outubro do ano passado está protagonizando mais um conflito n Oriente Médio, fez mais um aniversário no último dia 14. Isto porque o Estado foi fundado em 14 de maio de 1948, logo após ser apresentado o Plano de Partilha da Palestina, em novembro do ano anterior, criando assim o Estado judeu para os judeus {Israel} e o Estado árabe para os árabes {Palestina}. No entanto os árabes não aceitaram a partilha e alegaram que eles já estavam lá antes dos judeus, já que a Palestina já existia a cerca de 1,8 mil anos. E daí então começou esse conflito e tensão que dura até hoje no Oriente Médio.

Contexto

Um pouco da História de Israel para entender melhor esse conflito...
Durante a década de 1930, os nazistas na Alemanha começaram uma perseguição sistemática contra o povo judeu na Alemanha, e com a Segunda Guerra Mundial, essa perseguição se estendeu aos judeus em outros países da Europa por parte dos nazistas, que também haviam invadido vários países europeus também. E vale lembrar que os judeus sofriam preconceito por parte dos europeus já faziam vários séculos, o que de certa forma culminou com a perseguição sistemática contra esse povo durante os anos 30 e 40 na Europa por parte dos nazistas, o que resultou na morte de 6 milhões de judeus.

E logo após o fim da guerra, em 1945, muitos judeus da Europa começaram a migrar para a Palestina, onde já haviam vários judeus morando ali, juntamente com os árabes {Palestinos}. E a tensão na região começou a aumentar devido a pequenas confusões que aconteciam na região por conta da migração em massa, além também do fato de que no fim da Primeira Guerra Mundial, os ingleses, que era os poderosos do mundo até então haviam ocupado a Palestina desde 1919 e haviam prometido criar um Estado árabe no Oriente Médio, logo após os árabes ajudar os ingleses a derrotar os otomanos na Primeira Guerra Mundial, pois até então a maior parte do Oriente Médio e os árabes em si, estavam sob domínio otomano.

Porém os ingleses não cumpriram com o combinado, não criaram um Estado árabe no Oriente Médio, apenas fatiaram Oriente Médio em vários novos territórios, dos quais alguns controlados pelos ingleses e francesa, como a Palestina, que passou a ser controlada pelos ingleses. E ainda por cima os ingleses anunciaram que iriam criar um Estado judeu naquela região, e isso lá em 1917, causando uma ira nos árabes.

Início da tensão

Até que como disse antes, entre 1940 a 1945, cerca de 6 milhões de judeus foram assassinados pelos nazistas, e logo após o fim da guerra, muitos judeus começaram a migrar para a Palestina, causando tensão com os árabes. E para resolver a situação, em novembro de 1947, a recém fundada ONU {Organização das Nações Unidas} propôs o Plano de Partilha da Palestina, que consistia em dividir a Palestina, que até então estava sob domínio inglês, em dois Estados: Um Estado judeu e um Estado árabe.

Os judeus aceitaram a proposta e criaram o moderno Estado de Israel em 14 de maio de 1948. Porém os árabes não aceitaram a proposta, e logo de cara uma coligação de países árabes, como: Síria, Iraque, Egito, Arábia, entre outros tentaram invadir Israel, mas foram derrotados. E desde então se seguiram outros conflitos, como a Guerra dos Seis Dias, em 1967, a Guerra do Yom Kipur, em 1973, conflitos com o Líbano, nos anos 80, entre outros. Todos vencidos por Israel, tanto que o Egito buscou a paz com Israel em 1978, mediado pelo presidente dos Estados Unidos, Jimmy Carter.

Por fim infelizmente em 7 de outubro do ano passado, exatos 50 anos depois a da Guerra do Yom Kippur, a organização terrorista Hamas, invadiu Israel de surpresa, causando mortes de civis inocentes. Israel contra atacou, e os conflitos duram até hoje, sendo recentemente acontecido uma tensão com o Irã.

Mas afinal de contas de quem são aquelas terras?

Já adiantando, aquelas terras são mesmo de Israel. Pois a princípio na antiguidade, isso por volta de 970 A.C. já existia ali o Reino de Israel, reino esse que durou vários séculos, com outros nomes, ora sendo conquistado por outros impérios, ora sendo independentes de novo. Até que tudo muda em 63 A.C., quando os romanos conquistam o reino e o transformam em uma província, conhecida como Judéia e Galileia. Foi algumas décadas depois nesse contexto que nasce Jesus Cristo, entre os anos 4 A.C. e 1 D.C. E inicia seu ministério por volta do ano 30 D.C. Até 33 D.C.

E então na década de 70 do século I, os judeus se insurgem contra os romanos, mas não obtém sucesso. Os romanos então expulsa os judeus daquela região e muda o nome para Filistin, que significa "Palestina". E é então que surge a Palestina nesse contexto. Os judeus então migram para várias partes do mundo, principalmente a Europa, no que ficou conhecido como "Diáspora Judaica".

Ao longo dos próximos vários séculos, os judeus então se espalham pelo mundo, sofrendo de vez em quando preconceitos, principalmente por parte dos europeus, embora tenham também prosperado. Uma das mais conhecidas e antigas perseguições sistemáticas contra os judeus foi a perseguição promovida por Portugal e Espanha entre os séculos XV até XVIII. Nesse período os judeus de Portugal e Espanha eram obrigados a se converterem ao Cristianismo, caso contrário sofreriam punição, e a maioria se converteu ao Cristianismo e inclusive até abandonaram com o tempo a fé judaica, e muitos migraram para o Brasil, e por isso é estimado que muita gente no Brasil tem ascendência judaica e não sabem.

Mas a perseguição brutal mesmo promovida contra o povo judeu foi pela Alemanha entre os anos 30 e anos 50, vitimando 6 milhões de judeus, fazendo com que a população judaica tivesse uma drástica redução, e só voltando ao mesmo patamar de antes dos anos 30 somente o ano passado, quando atingiu cerca de 14 milhões de pessoas. E foi logo após essa perseguição sistemática pelos nazistas entre os anos 30 e 40, que muitos judeus sobreviventes migraram para a Palestina, culminando com a fundação do Estado de Israel em 1948, chegando ao fim depois de 1,8 mil anos a Diáspora Judaica.

Há três anos atrás, falecia o cantor MC Kevin, chocando o Brasil

Há três anos atrás, falecia MC Kevin, chocando o Brasil

Cantor era famoso no Brasil inteiro e tinha apenas 23 anos de idade.

Há exatamente três anos atrás, em 16 de maio de 2021, o cantor de funk, MC Kevin acabava de falecer quando em meio aos efeitos de produtos químicos no meio de uma pequan confraternização que fazia com amigos em um quatro de hotel no Rio de Janeiro, pula de um determinado andar para outro. Porém não saiu como planejado e sem querer ele sofreu uma queda, caindo de uma altura de vários andares se chocando contra o chão, onde ele acabou por bate a cabeça e faleceu deixando um rastro de sangue no local.

Como tudo aconteceu

O cantor estava hospedado num hotel da cidade do Rio de Janeiro e estava curtindo com os amigos, onde ele acabou consumindo bebidas e substâncias químicas. MC Kevin era casado e estava com a esposa a advogada Deolane Bezerra no hotel, porém naquela hora sua esposa não estava, e ele e seus amigos haviam chamado uma outra garota para o local, até que em dado momento, MC Kevin achou que sua esposa tinha chegado no local, e então na tentativa de se esconder da esposa, ele tentou migrar de um quarto do hotel para o outro através da sacada, mas ele acabou se desequilibrando e caindo de uma altura de vários andares. A cair no chão, ele se machucou, teve traumatismo e acabou falecendo.

Na época a sua morte causou muita comoção, pois o cantor era bem famoso, tinha apenas 23 anos de idade e estava famoso no Brasil inteiro fazia apenas 5 anos. E além disso a sua morte foi também uma reflexão na época para os cuidados que uma pessoa tem que ter ao consumir bebidas alcóolicas em excesso e consumir substâncias químicas. A sua então esposa, a advogada Deolane Bezerra acabou ficando famosa depois disso, principalmente após ela dar um discurso durante a cerimônia fúnebre do cantor. De lá para cá ela se tornou mais uma celebridade e acabou até participando do famoso reality show da TV Record, A Fazenda, que é semelhante ao reality show da TV Globo, Big Brother Brasil, mas só que com pessoas famosas.

segunda-feira, 13 de maio de 2024

A teoria da "falsa irmã Lúcia"...

A teoria da "falsa irmã Lúcia"...

Segundo algumas pessoas, a mulher da primeira foto seria a verdadeira irmã Lúcia. E a mulher da segunda foto seria a falsa irmã Lúcia.

Teorias da conspiração são coisas que chamam a atenção de muitas pessoas e quiçá até viram temas de filmes. Há quem acredite em teorias da conspiração, e há quem acha isso uma bobagem; e é claro que tem teorias da conspiração que são bem bizarras mesmo, porém há de se lembrar que tem teorias da conspiração que fazem sentidos, tanto é que teve teorias da conspiração que no fim das contas se provou uma verdade. E falando sobre teoria da conspiração, existe uma aqui que eu conheci sobre ela pela primeira vez em 2020, e aproveitando que a data de hoje tem relação com uma personagem dessa teoria, que aliás, é a personagem principal, eu vou falar aqui sobre essa teoria da conspiração, que é nada mais nada menos que a Teoria da Falsa Irmã Lúcia. Antes de mais nada vou ser bem imparcial aqui, pois gosto da verdade, dos questionamentos e dos fatos. Então... Sem delongas e milongas, vamos lá:

Como disse antes, a data de hoje é especial, pois em 13 de maio de 1917 supostamente aconteceu a aparição de Nossa Senhora para três crianças na cidade de Fátima, interior de Portugal. As três crianças, que eram duas meninas e um menino ficaram conhecidos como "Três pastorinhos", pois elas andavam pelas áreas rurais pastoreando o campo. Essas três crianças se chamavam: Lúcia, de 10 anos de idade, Jacinta, de 7 anos de idade e e Francisco, de 9 anos de idade. Francisco e Jacinta eram irmãos e eram primos de Lúcia, e um belo dia na referida data, Nossa Senhora apareceu para eles, e não só naquele dia, mas como nos próximos seis meses, até o mês de outubro, e parece que era sempre no dia 13.

Em pouco tempo a cidade, a região, e até mesmo outros países ficaram sabendo disso, e um fato até curioso é que Nossa Senhora chegou a dizer sobre os "Erros da Rússia", uma coisa assim, e 7 meses depois, em novembro de 1917 estoura a Revolução Russa, onde o comunismo foi implantado na Rússia, perseguiu a Igreja russa, demolindo catedrais, paróquias, prendendo padres, entre outros religiosos, tendo também o comunismo se espalhado pelo mundo, deixando um rastro de mais de 100 milhões de mortes entre 1917 aos anos 90 {No mundo todo}.

A Igreja até ficou reticente sobre tudo o que aconteceu ali em Fátima, mas anos depois a Igreja entendeu que as aparições foram mesmo verdadeiras e no local foi construído um santuário, que ficou conhecido como Santuário de Fátima, e Nossa Senhora naquele local passou a ser conhecida como "Nossa Senhora de Fátima", e que curiosamente é uma das versões mais populares de Nossa Senhora no Brasil, acho que é a segunda por aqui, ficando atrás apenas de Nossa Senhora Aparecida. Quando morei em Joinville entre os ano de 2005 a 2007 havia muita devoção a Nossa Senhora de Fátima por lá.

Infelizmente entre 1919 e 1920, os irmãos Francisco e Jacinta acabaram falecendo por problemas de saúde, talvez relacionado a Gripe Espanhola que assolou a Europa e o mundo naquele período, restando apenas a irmã Lúcia, que pouco tempo depois se tornou freira, tendo inclusive vários registros fotográficos dela ao longo dos anos enquanto ela foi ficando adulta, até que tudo começa a mudar no fim dos anos 40, mas precisamente em 1949, pois é essa a data que muitos que acreditam na teoria da falsa irmã Lúcia acredita que a irmã Lúcia "verdadeira" tenha morrido e substituída depois por uma impostora, que viveu até os 97 anos de idade, vindo a falecer em 2005.

De fato até os anos 40 a Irmã Lúcia tinha uma determinada a aparência, era morena e tinha um rosto meio indígena, enquanto que a suposta "falsa" irmã Lúcia era branca e tinha um rosto mais caucasiano. E é claro que tem também a questão da idade né, pois supostamente a irmã Lúcia faleceu aos 97 anos de idade, e é claro que na maioria das fotos dela depois dos anos 40 foram tiradas bem antes dela chegar aos 90 anos de idade, porém na maioria das fotos ela já aparenta está na casa dos 60 e poucos anos. Além disso alguns padres dizem que não existe nenhuma irmã Lúcia "falsa" e o motivo do porque o seu rosto está bem diferente depois de um tempo é por conta de duas coisas: Um implante dentário que ela fez no convento e também a idade mais avançada.

Além o pessoal que alega que não existe irmã Lúcia "falsa" nenhuma também alegam que o motivo de outras pessoas terem "inventado" de que a irmã Lúcia foi substituída por uma "falsa" irmã Lúcia é porque eles são *sedevacantistas e que a "falsa" irmã Lúcia apoiou o Concílio Vaticano II, que foi uma grande reunião que fez mudanças importantes na Igreja devido aos novos tempos, mas que os *sedevacantistas são contra.

*Sedevacantistas São pessoas que não aceitam a autoridade de um determinado papa ou doutrinas da Igreja.

Enfim, eu não entendo muito dessa questão, pode ser que nunca houve nenhuma falsa irmã Lúcia, mas pode ser também que tenha sim havido uma falsa irmã Lúcia, pois embora ela tenha feito implante dentário, é nítido que o formato do rosto é diferente das "duas", além também do fato de que a "original" é morena e a "falsa" é branca. Enfim, esse é um assunto bem intrigante.... Ou não.

Cena de minissérie retratando o fim da escravidão

Cena que mostra um pouco sobre a abolição da escravidão.

Nesse trecho da minissérie Chiquinha Gonzaga {Uma famosa cantora brasileira do fim do século XIX e início do século XX}, exibida pela TV Globo em 1999, mostra um pouco sobre o momento do fim da escravidão no Brasil, os anseios dos abolicionistas, do povo e das comemorações de ambos no final. Vale muito a pena assistir.

Curiosidades sobre a abolição da escravidão...

Curiosidades sobre abolição da escravidão...

Paço Imperial na tarde de 13 maio de 1888, onde o povo comemora o fim da escravidão. Rio de Janeiro então capital do Brasil.

Há exatamente cento e trinta e seis anos atrás, num domingo, treze de maio de mil oitocentos e oitenta e oito acontecia um dos marcos mais importantes da História do Brasil: O fim da escravidão, um sistema cruel que já durava mais de 350 anos em nosso país, e que começou logo nas primeiras décadas do início da colonização. Os movimentos abolicionistas surgiram no começo do século XIX e eles foram muito importantes na conquista do fim da escravidão, daí a importância de movimentos sociais. Mais saiba aqui algumas curiosidades sobre o fim da escravidão no Brasil.

Importância dos movimentos abolicionistas

Os movimentos abolicionistas começaram no Brasil no século XIX, provavelmente nas primeiras décadas desse século, as vésperas da independência do Brasil, quase na mesma época que os Estados Unidos, já que os Estados Unidos também sofria com a escravidão. E com o passar dos anos, os movimentos abolicionistas no Brasil e também no mundo ajudou muito no combate a escravidão. No âmbito mundial, em 1850 o tráfico de pessoas escravizadas foi proibido, mesmo coma  resistência de alguns reis africanos, que eram contra o fim do tráfico de pessoas escravizadas, como o rei Guezo, rei de Daomé {Atual Benim}, um reino africano que era um dos principais "fornecedores" de pessoas escravizadas para o Brasil. Já no âmbito nacional, os movimentos abolicionistas conseguiram a carta de alforria {Liberdade de milhares de pessoas escravizadas.

Família imperial teve um papel importante

A família imperial brasileira, desde Dom Pedro I até a princesa Isabel e Dom Pedro II ajudaram na causa abolicionista, o imperador Dom Pedro II deu carta de alforria a muitas pessoas escravizadas, e durante a regência da princesa Isabel em 1971 foi promulgada a Lei do Ventre Livre, que concedia a liberdade as pessoas nascidas a partir daquela data de pessoas escravizadas. E depois em sua terceira regência, o fato mais famoso, a Abolição da Escravidão, em 1888. Os filhos da princesa Isabel redigiam um pequeno jornalzinho abolicionista na cidade de Petrópolis, e além disso houve um projeto da família imperial para a reintegração dos ex escravizados na sociedade brasileira, porém com o golpe de estado promovido pelos republicanos e Deodoro da Fonseca e que culminou na Proclamação da República, apoiado pelos fazendeiros escravocratas, o plano foi engavetado pela República. Outros setores da sociedade brasileira também era a favor do fim da escravidão, como a Igreja Católica {Embora infelizmente alguns conventos chegou a ter pessoas escravizadas}, e outras sociedades civis, além de personalidades históricas da época como Barão de Mauá, Deodoro da Fonseca, Castro Alves, entre outros.

Último país ocidental a acabar com a escravidão

Muita gente acredita que o Brasil foi o último país do mundo a abolir a escravidão, porém isso não procede, isso porque o Brasil foi na verdade o último país OCIDENTAL a abolir a escravidão. Infelizmente foi tarde. Já o último país de fato a abolir a escravidão no mundo foi na verdade a Mauritânia, um país localizado na África ocidental, e que teve a abolição da escravidão em seu território em 1981.

Cerca de 800 mil pessoas escravizadas já havia ganhado a liberdade antes da Lei Áurea

Daí a importância dos movimentos sociais realmente genuínos, como os movimentos abolicionistas, pois só pra se ter uma ideia, quando aconteceu a abolição da escravidão no Brasil, foram um total de 700 mil pessoas escravizadas libertas Porém até aquela data {1888}, cerca de 800 mil pessoas escravizadas já haviam sido libertas graças aos movimentos abolicionistas; isto porque segundo o Censo de 1872, o Brasil tinha 1,5 milhões de pessoas escravizadas, e dezesseis anos depois, em 1888 eram 700 mil pessoas escravizadas que foram libertas, fazendo com que cerca de 800 mil pessoas já haviam ganhado a liberdade, e por isso a importância mais uma vez de movimentos sociais genuínos.

domingo, 12 de maio de 2024

Comandos do Crime - Terceiro Comando Puro...

Comandos do Crime - Terceiro Comando Puro...

Uma das características do Terceiro Comando Puro é a ostentação da marca.

E voltando com a nossa série "Comandos do Crime", falaremos hoje de uma facção criminosa que no passado foi bem pequena, mas que hoje está em franca expansão no Rio de Janeiro, e se tornando uma pedra no sapato de sua maior rival, o Comando Vermelho. É a facção Terceiro Comando Puro, conhecida também pelo acrônimo "TCP", cujo quartel general fica na cidade do Rio de Janeiro, mas precisamente no favela Complexo da Maré, seu principal reduto.

A história

A princípio até o começo dos anos 2000, existia no Rio de Janeiro uma outra facção mais antiga e com o nome parecido, o nome dela era "Terceiro Comando", conhecida também pela sigla "TC". O Terceiro Comando era o principal rival do Comando Vermelho, e havia surgido na década de 80 e comandava o tráfico em favelas como o Morro do São Carlos, que aparentemente era seu principal reduto. Até que em 1994 durante um racha que aconteceu no Comando Vermelho, o traficante foi expulso daquela facção e se aliou ao Terceiro Comando, e alguns anos depois, ainda nos anos 90 fundou a facção Amigos dos Amigos, conhecida também pela sigla "ADA".

Logo em seguida, em 1998 o ADA se aliou ao Terceiro Comando, formando uma união conhecida também como "TC/ADA" e essa união durou cerca de quatro anos, até que já no começo de 2002 houve uma pequena dissidência dentro do Terceiro Comando, e com isso foi fundado uma espécie de "Bonde", dentro do Terceiro Comando, e esse bonde era conhecido como "Terceiro Comando Puro", e como o próprio nome diz, parece ser uma associação entre alguns traficantes que talvez não concordava com algumas coisas na união com o ADA.

Até que em setembro de 2002 houve uma terrível rebelião no presídio de Bangu, no Rio de Janeiro, onde lideranças do Comando Vermelho mataram lideranças do Terceiro Comando, deixando apenas um líder do ADA vivo, conhecido como Celsinho da Vila Vintém. Há quem diga que Celsinho ali se aliou ao Comando Vermelho, traindo a aliança com o Terceiro Comando, e devido a isso, ele foi considerado traidor pelos líderes do Terceiro Comando, e com isso houve um racha na união das duas facções, fazendo com que traficantes dessa união se dissipassem para a ADA, e outros se dissiparam para o Terceiro Comando Puro, que agora virava uma facção, enquanto que a facção Terceiro Comando chegava ao fim.

Ascensão

Agora como uma facção, o Terceiro Comando Puro começa o ano de 2003 tendo que enfrentar duas facções rivais e experientes: O Comando Vermelho e o ADA, e nesse ano houve intensos confrontos entre os traficantes do Terceiro Comando Puro com essas facções, principalmente com o ADA, a sua maior rival, se acirrando mais ainda o confronto entre essas duas facções entre o fim de 2003 e o começo de 2004, onde chegou a acontecer algumas chacinas em bailes funks em favelas dominadas por essas facções, principalmente no famoso Morro do Dendê, dominado até então e até os dias atuais pelo Terceiro Comando Puro, mas que traficantes do ADA estava tentando retomar esse morro, por isso houve confrontos intensos e chacinas.

Inclusive há quem diga que foi numa dessas chacinas ocorridas no Morro do Dendê, entre o finalzinho de 2003 e começo de 2004, que o famoso cantor de funk até então, o MC Cruel acabou sendo morto. Ele fez muito sucesso nos bailes funks cariocas entre o fim dos anos 90 e começo dos anos 2000, e era ligado na época a as duas facções, Terceiro Comando e ADA, porém com o fim da união, o cantor que morava no Morro do Dendê, optou por se filiar ao Terceiro Comando Puro, porém devido a sua ligação histórica com o ADA, dizem que ele foi pego conversando e até negociando sua volta para o ADA, quando então foi descoberto pelos traficantes do Terceiro Comando Puro, sendo então assassinado na localidade conhecida como Praia da Rosa, bem próxima do Morro do Dendê, e seu corpo jogado na Baía de Guanabara, até hoje não se sabe muito sobre ele, os detalhes de sua morte e a data exata de sua morte.

Os anos seguintes o Terceiro Comando Puro continuou crescendo aos poucos e rivalizando principalmente com o ADA, até que em 2009, a facção conseguiu um enorme feito: A Conquista do Complexo da Maré, que até então era dominada pelo ADA. A conquista foi muito grande para a facção, visto que a Maré é uma favela enorme, composta por cerca de 12 favelas, uma enorme população e as margens da Baía de Guanabara. E inclusive a favela se tornou praticamente o quartel general da facção, ou seja... a principal favela da facção, antes a principal favela da facão era o Morro do Dendê.

Consolidação

Os anos se passaram, e o Terceiro Comando Puro foi se consolidando aos poucos no mundo do crime, até que a partir de 2017 a facão praticamente deslanchou e se tornou a segunda maior do Rio de Janeiro, atrás apenas do Comando Vermelho. Isso porque a partir desse ano, o ADA começou a entrar num grande processo de declínio, principalmente com a perda da favela da Rocinha para o Comando Vermelho, pois a favela da Rocinha é a mais lucrativa para o tráfico na cidade, a favela era a "galinha dos ovos de ouro" do ADA.

Então logo após a perda da favela da Rocinha, o ADA começou a sofrer pesadas perdas no tráfico, e isso fez com que vários traficantes do ADA migrassem para o Terceiro Comando, que se fortaleceu cada vez mais. Só pra se ter uma ideia, favelas grandes que eram tudo controladas pelo ADA, como Complexo da Pedreira, Complexo do São Carlos, entre várias outras passaram a serem controladas pelo Terceiro Comando Puro, restando ao ADA apenas a Vila Vintém, o seu reduto histórico, e considerado atualmente seu quartel general, além também de controlar favelas em outras cidades, principalmente na cidade de Macaé, onde dizem que por lá  a facção ainda é grande.

Atualmente o Terceiro Comando Puro rivaliza direto com o Comando Vermelho, inclusive a alguns dias atrás houve vários confrontos pela tomada de algumas favelas entre as duas facções. A alguns dias atrás por exemplo, traficantes do Terceiro Comando Puro invadiram o Morro do Juramento para tentar tomar a favela do controle do Comando Vermelho.

Além disso há indícios de que o Terceiro Comando Puro segue os passos do Comando Vermelho e também está se instalando em outros estados. Pois já se tem cerca de 10 anos que o Comando Vermelho se expandiu para outros estados, e segundo informações até um tempo atrás, o Comando Vermelho estaria presente em 12 estados. Já o Terceiro Comando Puro a pouco tempo atrás também começou a se expandir para outros estados, e o primeiro deles foi a Bahia, onde a facção carioca se aliou a uma facção baiana contra o Comando Vermelho e outras facções.

Nicolau II - O santo mais rico da História...

Nicolau II, o último imperador da Rússia. Ontem, dia 18 de maio de 1868 foi dia de Nicolau II, o último imperador da Rússia, ou melhor... Sã...